Translate

Olá Clubeiros !!!

Olá Clubeiros !!!

Bituca, 50 anos de carreira - São Paulo

Uma das máximas da música é que os artistas devem guardar os melhores momentos dos shows para o final, porque esta será a última lembrança do público ao voltar para casa. Pois Milton Nascimento seguiu esta regra à risca no show que fez nesta sexta-feira (3 de Agosto) no HSBC Brasil, em São Paulo. Com um bloco final eletrizante, o cantor conseguiu emocionar o público.

Fotos Pedro Rossi

As duas canções do bis, por exemplo, levaram parte da plateia às lágrimas. Na primeira, "Canção da América", Milton nem sequer precisou cantar: sentado numa cadeira no meio do palco, pediu que o público cantasse a música em seu lugar - foi atendido. Era como se estivesse guardando a voz para a canção seguinte, "Travessia". Seu primeiro sucesso, lançado há 45 anos, voltou em uma versão emocionante.
Algusto Gomes
 
 
Veja abaixo o repertório do show desta sexta-feira (3) no HSBC Brasil, em São Paulo:
"Cais"
"Vera Cruz"
"Canção do Sal"
"Clube da Esquina 2" (Milton e Lô Borges)
"Nuvem Cigana" (Lô Borges)
"Planeta Blue"
"Anima"
"Lágrima do Sul"
"Amor de Índio"
"Promessas do Sol"
"Morro Velho" (Sandy)
"Nos Bailes da Vida" (Milton e Sandy)
"Raça"
"Maria, Maria"
"Nada Será Como Antes" (Milton e Lô Borges)
"Para Lennon e McCartney (Milton e Lô Borges)
"O Trem Azul (Lô Borges)
"Um Girassol da Cor do Seu Cabelo" (Lô Borges)
"Sofro Calado"
"Canções e Momentos"

Bis
"Canção da América"
"Travessia"